Postagens Recentes

Cabelo, cabelo meu

By 12:08 , , , , ,

Bom dia povo o/
Sabadão de sol forte aqui em Minas, dia lindo pra cuidar dos cabelos. E é exatamente sobre eles que eu vim falar hoje.
Fui abençoada com lindos cabelos lisos, numa família de cabelos cacheados. Sim, é estranho, mas dos 5 rebentos que minha mãe pôs no mundo só eu nasci de madeixas escorridas.
E quando criança fui revoltada com isso.
Minha irmãs tinham cachinhos lindos, prendiam montes de presilhas, faziam altos penteados... E meu cabelo ficava sempre do mesmo jeito. Qualquer coisa que fosse colocada nele caía minutos depois. Perdi muitas presilhas assim.
Fiz de tudo pra ter pelo menos um cabelo que desse pra fazer algo, enchia de gel, fiz bobs (que não duravam nem algumas horas), fiz babyliss (que também não durava nada)...
Até que a puberdade fez seu trabalho! E fez de forma bem sacana.
Um belo ia eu acordei e parecia a Hermione no primeiro filme do Harry Potter.
Meu cabelo ainda era liso, mas armado. MUITO armado. E seco da metade pra baixo.
Eu sofri um bocado com isso, minhas irmãs disseram que era castigo por ter reclamado tanto do meu cabelo e tal, vivia com ele preso pra disfarçar. Cheguei a dormir com ele enrolado em touca pra ver se abaixava. E sim, isso funcionava, mas só por um dia e me dava uma baita dor de cabeça porque prendia com grampos.
Ouvi mil e uma histórias diferentes, pintei o cabelo 3 vezes e só piorou a situação.
Minha mãe, com muita dó, pagou uma progressiva pra mim.
A cabeleireira disse, no dia, que se eu conseguisse manter hidratado não precisaria fazer nunca mais, porque meu cabelo ainda era bem liso, só estava maltratado.
Confiando nela, fui deixando. Fazia hidratação em casa toda semana, cuidava dele muito bem.
Ainda assim, as pontas sempre começavam a ressecar e começava de novo o processo de cabelo de Hermione.
Minha salvação foi minha irmã mais velha, cujos cabelos agora são lisos porque ela faz progressiva. Ela também sofria o mesmo, ainda mais porque a tendência dela é ter cabelos encaracolados.
Como a melhor amiga dela é cabeleireira, aprendeu alguns truques, e um ela me ensinou.

Reparador de pontas com óleo de Argan.
É, exatamente isso que eu falei. Óleo de Argan. Isso ai que virou moda de uns tempos pra cá.
Como tudo que meu cabelo precisava era estar hidratado, sempre depois do banho, com o cabelo ainda úmido, eu passo um pouco, do meio pras pontas. Desde então eu posso dormir de cabelo molhado que no dia seguinte ele ainda vai estar lindo e maravilhoso :D
Se assim como eu, você sofre com pontas ressecadas, quebradiças e etc, produtos à base de óleo de argan ajudam e muito. Mas só nas pontas, porque se passar na raiz vai ficar MEGA oleoso e com aspecto nojento.
Esse ai que eu uso, da Lacan, paguei quase R$20, há mais de seis meses. Lavo o cabelo a cada dois dias e ele tá rendendo bastante. Já até dividi com minha mãe. Eu espirro de duas à três gotinhas na mão, espalho e passo no cabelo.

Existem várias outras opções por aí, como o Super Óleo da Garnier, que também é muito bom, e o próprio óleo de argan puro, da Inoar. Eu particularmente recomendo esses que usam o óleo e alguns outros produtos, aí é só buscar um que tenha os produtos certos pro seu caso :)

E apesar de curtinha, essa foi a dica de hoje.
Se tiver sugestões, dicas e etc, manda pra gente, lá pela página do facebook. Aproveita e curte, porque todo dia tem coisa nova lá.

Beijos, e até a próxima o/

Você também vai gostar de:

0 comentários