Postagens Recentes

O corpo pós parto

By 10:00 , , ,


Meu corpo vai voltar a ser como era antes depois do parto? Essa é definitivamente uma das perguntas que as mães mais fazem a sim mesma e aos seus médicos, porém antes de dar uma resposta enfática é necessário analisar alguns detalhes:
Cada organismo é diferente do outro e portanto reage de forma diferente a determinados estímulos, embora a gestação tenha se encerrado, durante um longo período o corpo da mulher continuará recheado de hormônios em demasia, como, por exemplo, a prolactina, hormônio responsável pela produção do leite materno e a ocitocina que continua elevada por um longo período no organismo da mulher, também por conta da amamentação. Diante dessa nova combinação hormonal o organismo da mulher necessita se readaptar, portanto não é possível afirmar se o corpo da mulher voltará de fato ao que era antes da gestação, por exemplo, mesmo que a mulher tivesse uma facilidade para emagrecer antes da gestação, pode ser que após o parto ela tenha certa dificuldade para perder o peso ganho.
ESTRIAS E BARRIGA FLÁCIDA
As estrias estão amplamente ligadas à imagem de corpo pós parto, porém é necessário lembrar que muitas mulheres não desenvolvem estrias na gestação, enquanto outras, mesmo com todos os cuidados, acabam por desenvolve-las. As estrias são causadas pela diminuição da elasticidade da pele, que combinada com o aumento de peso e do tamanho da barriga rapidamente, algo natural da gestação, faz com que surjam. Há no mercado atualmente uma infinidade de cremes de prevenção de estrias para gestantes, que se combinados com uma alimentação equilibrada e com exercícios leves (liberados pelo médico) podem sim evitar o surgimento das marcas indesejáveis. Entretanto, se você acabou sendo vítima das estrias, não se preocupe, a tecnologia disponibiliza tratamentos estéticos eficazes que ajudam na diminuição delas.
Quanto à flacidez na região abdominal não há como preveni-la, sendo algo natural do pós parto. Muitos médicos recomendam o uso de cintas pós parto para auxiliar, entretanto outros são contrários ao seu uso afirmando que a pressão na região poderia prejudicar a realocação dos órgãos internos enquanto o útero volta ao seu tamanho original. Exercícios para fortalecer a região, associados à uma boa alimentação e hidratação podem colaborar para que os músculos e a pele se reestabeleçam firmes, entretanto todas essas medidas levam tempo e devem ser feitas após o puerpério e autorizadas pelo médico.
O CORPO PÒS PARTO AQUI EM CASA
Bom, óbvio que o meu corpo não voltou ao que era antes da gestação. Pouco entes de engravidar eu estava numa dieta de reeducação alimentar e já tinha perdido doze quilos, estava pesando na época 75 quilos, durante a gestação, por conta dos enjoos constantes, que me acompanharam até o 5º mês, eu não engordei nada, emagreci mais 3 quilos chegando à 72, no 7º mês foi que eu comecei a engordar rápido e quando o Guilherme nasceu estava pesando 91 quilos, uma semana depois do nascimento dele, me pesei e já estava com 78 novamente, amamentando cheguei aos 73, mas quando iniciei a introdução alimentar nele e as mamadas ficaram mais espaçadas voltei a engordar e hoje estou com 86 quilos.
Tenho muitas estrias, já tinha várias antes de engravidar e mesmo com muito creme, massagem e cuidado durante a gestação surgiram inúmeras em minha barriga, seios e coxas, ainda não iniciei um tratamento para elas, muito por falta de tempo, mas pretendo iniciar o quanto antes e postar os resultados aqui no blog.
Minha barriga é muito flácida, fiz exercícios de simulação de caminhada (tenho um air climb, rs’) dos 15 dias do Guilherme até o 4º mês dele, três vezes por semana e pude perceber, que mesmo sem me alimentar corretamente, minha barriga voltou a ficar firme, mas como parei os exercícios a flacidez retornou e agora está aqui, vamos ver como fica.
Enfim, por hoje é só pessoal. Para acompanhar mais novidade curta nossa página no Facebook. Beijos e até amanhã.



Você também vai gostar de:

0 comentários