Postagens Recentes

CC por que?

By 11:45 , , , , , ,



Semana passada entrei numa discussão num post sobre cama compartilhada e fui ofendida (para não dizer humilhada).
Muitos me perguntam por que decidi fazer cama compartilhada e por que ainda hoje, com um ano e oito meses fazemos uso desse método, então vamos lá explicar:
Como já falei AQUI que o Gui dorme com a gente desde que chegou da maternidade, e foi ótimo para a amamentação, tinha muita dor nas costas amamentando ele sentada e amamentar deitada foi uma bênção pra mim, além de ter ajudado demais na amamentação e na qualidade do sono de todos nós.
Quando ele completou oito meses tentamos fazer a transferência gradativa dele para o berço e funcionou super bem chegando ao ponto dele mamar uma vez só na madrugada, mas depois do primeiro aniversário dele com a chegada do terrible two tudo se complicou. o berço acabou ficando perigoso para ele já que ele pulava demais e parecia uma gelatina, desmontamos e está guardado embaladinho esperando a coragem de vender, o papai passou a dormir no colchão no chão e Gui ficou na cama comigo.
SIM< o pai dorme no chão e o bebe na cama!!!
Muitos podem soltar frases do tipo: "que ridículo", "é por isso que o casamento acaba" ou "e o sexo?".
Bom, independente de qualquer ofensa ou opinião esse esquema de sono é o que tem funcionado aqui para nós. nosso casamento não sofreu com isso pois tudo sempre foi uma escolha conjunta visando o bem maior que é o nosso bebe, a segurança dele (que não podia ser garantida no berço) e a nossa saúde, afinal não há quem resista sem uma boa noite de sono.
Comprar uma cama de solteiro para colocar ao lado da nossa é uma opção, mas não emergencial, por enquanto estamos bem assim e preferimos esperar para comprar a cama já para o quartinho para onde ele vai assim que desmamar à noite.
O sexo? Ah, o sexo por aqui está ótimo, maravilhoso, perfeito! Temos uma sala, uma cozinha, um escritório e adivinhem, até um banheiro que nos comporta muito bem durante o ato sexual. Se em algum momento faltou sexo pode ter sido por N motivos, mas não por conta do bebe.
Claro que eu e o papai sentimos saudades um do outro, de dormir agarradinhos e namorar de madrugada, mas sabemos que na vida de uma criança tudo são apenas fases e tudo m dia vai passar e fazer falta, é nossa responsabilidade dar segurança psicológica e emocional para que ele viva e passe por cada uma dessas fases.
Um dia nossa cama não será mais confortável para ele, um dia ele será independente, um dia ele irá crescer e ter seu próprio espaço, por enquanto ele ainda é apenas um bebe e precisa de nós.
Todo amor e respeito à quem faz diferente, inclusive à aquela moça que disse que quem deveria estar no colchão no chão era o meu bebe, mas aqui em casa o esquema é esse e estamos felizes :D

Depois desse desabafo enorme, só para finalizar, vou responder a pergunta que deu nome ao post:
CC por que?
Porque nós escolhemos assim!

Mil beijos à todas e fiquem de olho aqui no blog e até mais.

Você também vai gostar de:

0 comentários